O dólar comercial voltou a ser negociado em alta no mercado interbancário de câmbio. Pela manhã, a moeda registrou queda na cotação com o leilão realizado pelo Banco Central.

Às 13h20, o dólar comercial estava cotado a R$ 2,233, valorização de 1,50%. A taxa mínima do dia até este horário foi de R$ 2,1585 por dólar.

O BC interveio no mercado de câmbio com leilão de contratos de swap cambial tradicional. Foram vendidos 27,4 mil contratos da oferta inicial de 46.050 contratos, no leilão realizado das 10h30 às 11 horas. A venda tem valor equivalente a US$ 1,37 bilhão. Nesse tipo de leilão, a autoridade monetária assume posição vendedora em câmbio e compradora em juros.

Ontem o dólar comercial havia fechado a R$ 2,20, em alta de 7,63%, a maior variação porcentual num único dia desde 15 de janeiro de 1999.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.