Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Dólar acumula, em setembro, maior alta mensal desde 2002 no Brasil

Rio de Janeiro - O dólar acumulou nos primeiros 11 dias do mês uma valorização de 11,69% frente ao real, com o que alcançou sua maior alta mensal desde setembro de 2002, segundo um estudo divulgado nesta sexta-feira pela empresa de consultoria Economática.

EFE |

O dólar não subia tanto no Brasil em um mês desde a apreciação de 28,87% registrada em setembro de 2002, às vésperas das eleições presidenciais deste ano.

O dólar vem subindo no Brasil desde 1º de agosto, quando chegou a ser vendido a R$ 1,559, sua menor cotação em nove anos.

Essa desvalorização é consequência da tendência internacional de fortalecimento da moeda americana, provocada pelas turbulências nos mercados e do temor de uma recessão em vários países.

Antes da forte alta nos primeiros dias de setembro, a moeda americana se valorizou 4,33% em agosto perante o real.

A moeda americana fechou na quinta-feira cotada a R$ 1,816, sua maior cotação desde janeiro.

A maior alta do dólar no Brasil após setembro de 2002 ocorreu em maio de 2006, com uma valorização de 10,11%.

No acumulado do ano, até 11 de setembro, o dólar acumula uma apreciação de 3,06% contra o real, o que rompe um ciclo de cinco anos consecutivos de depreciação da moeda americana no Brasil.

No ano passado, o dólar sofreu uma desvalorização de 17,15% contra o real e essa baixa foi do 8,66 % em 2006 e do 11,82 % em 2005.

Leia tudo sobre: dolar

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG