SÃO PAULO - A dívida financeira de curto prazo das empresas brasileiras de capital aberto caiu para o menor nível já registrado desde 2003 durante o terceiro trimestre de 2008. A constatação é da Economatica, que avaliou a relação endividamento de curto prazo sobre endividamento total.

São consideradas de curto prazo aquelas que vencem em até 12 meses,
Segundo a consultoria, a mediana do indicador de endividamento de 272 empresas analisadas é de 34,9%, montante 4,4 pontos percentuais menor que o observado no segundo trimestre.

O maior valor encontrado dentro do período estudado foi no terceiro trimestre de 2003, quando o índice atingiu 55,2%. Ainda de acordo com o estudo, entre julho e setembro de 2008, a dívida total financeira representava 92,9 % do patrimônio da empresas estudadas.

(Valor Online)

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.