Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Dirigente garante que situação econômica do Real Madrid é boa

Madri, 10 out EFE).- A situação econômica do Real Madrid é boa, apesar da crise financeira, segundo o diretor executivo do clube espanhol, José Ángel Sánchez.

EFE |

O dirigente afirmou que o Real lidera o ranking de receita entre os clubes e que o orçamento deste ano supera os 400 milhões de euros.

"É um número muito alto. Há um esforço para conter as despesas e oferecer bons resultados. Somos uma das poucas exceções que na indústria do futebol, um clube que tem uma boa situação financeira e econômica", disse à "Real Madrid TV".

Em relação aos magnatas que vem assumindo o controle dos clubes ingleses, Sánchez disse que este fato faz parte da evolução do futebol nos últimos dez anos.

"A indústria do futebol está em um momento diferente. Houve uma evolução, as coisas mudaram muito nos últimos dez anos", afirmou.

"O Campeonato Inglês tem um modelo de comercialização muito agressivo e uma gestão de direitos que provavelmente só é possível ali e não em outros lugares. Os horários são muito bem estudados, as regras são rígidas e isso atrai donos de grandes fortunas pessoais e de multinacionais", completou.

O clube informou que investiu 250 milhões de euros nos últimos dois anos - 120 milhões só para esta temporada.

Já a venda de jogadores rendeu 130 milhões de euros ao clube da capital espanhola.

O diretor esportivo do Real, Pedja Mijatovic, disse hoje que estes números são um dos motivos que fazem a equipe enfrentar com tranqüilidade a crise.

O sérvio ainda disse que o time de Madri manterá a política de "não fazer loucuras" ao contratar jogadores. EFE jad/plc

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG