Tamanho do texto

Frankfurt (Alemanha), 27 mar (EFE).- Os nove diretores do comitê executivo do banco alemão Dresdner Bank ganharam 58 milhões de euros (US$ 79 milhões) em 2008, apesar de a entidade de crédito ter registrado perdas milionárias.

Segundo o relatório com os resultados publicado hoje, quase metade desta quantia, cerca de 24 milhões de euros (US$ 32 milhões) foram de indenizações.

No início de setembro de 2008, o Commerzbank adquiriu o deficitário Dresdner Bank, até então filial da seguradora Allianz, por 9,8 bilhões de euros (US$ 13,034 bilhões).

Após a aquisição, o comitê executivo do Dresdner Bank foi modificado totalmente.

O presidente do Dresdner Bank, Herbert Walter, recebeu por sua aposentadoria antecipada uma indenização de 3,6 milhões de euros (US$ 4,7 milhões).

Junto com Dresdner Bank, o Commerzbank sofreu em 2008 uma perda de 6,57 bilhões (US$ 8,738 bilhões).

Os diretores dos grandes bancos privados da Alemanha tiveram cortes em seus salários devido à crise financeira ou pelo fato de o Estado alemão ter entrado no capital.

O Commerzbank é o primeiro banco alemão a ser nacionalizado parcialmente na Alemanha nesta crise financeira, após conseguir injeções de capital dos fundos estatais. EFE aia/an

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.