Tamanho do texto

SÃO PAULO - A ministra da Casa Civil, Dilma Rousseff, salientou, durante evento em São Paulo, o lucro de R$ 10 bilhões obtido pelo Banco do Brasil em 2009, com inadimplência de apenas 3,3%, taxa inferior à média do mercado, de 5,6%. Na contramão da peça espiral recessiva que atingiu o mundo inteiro, sepultamos na prática a ideia fantasiosa de que somente a desregulamentação dos mercados consegue injetar solidez na economia e adicionar o desenvolvimento de uma nação. Isso não é verdade, declarou Dilma durante encontro com diretores do Banco do Brasil, na capital paulista.

Também participaram do evento o presidente Luiz Inácio Lula da Silva e o ministro da Fazenda, Guido Mantega, além do presidente do BB, Ademir Bendine.

(Fernando Taquari | Valor)

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.