Essa história de neoliberalismo valia só para nós - Home - iG" /
Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Dilma: Essa história de neoliberalismo valia só para nós

A ministra Dilma Rousseff criticou os países desenvolvidos ao comentar esta tarde, em rápida entrevista, a ajuda de US$ 200 bilhões que o governo dos Estados Unidos deu às gigantes do setor hipotecário Fannie Mae e Freddie Mac para tentar conter a crise no sistema financeiro. O neoliberalismo é uma política para os países em desenvolvimento, e nunca para os desenvolvidos, principalmente os Estados Unidos, declarou Dilma, em resposta a um jornalista que lhe perguntou se esse programa de ajuda significava que o neoliberalismo havia acabado.

Agência Estado |

"Essa história de neoliberalismo valia para nós, somente para nós. Vocês (jornalistas) estão descobrindo um pouco tarde", disse a ministra, ao sair da Escola de Administração Fazendária (Esaf), em Brasília, após participar da abertura de um seminário promovido pelo governo sobre desenvolvimento econômico para comemorar os 200 anos do Ministério da Fazenda.

"Nunca foi diferente disso", afirmou a ministra lembrando o episódio de ajuda do Federal Reserve (Fed, banco central dos EUA) ao fundo Long Term Capital Management, que quebrou em setembro de 1998, causando prejuízo de US$ 3,5 bilhões aos cotistas. O Fed recolheu entre os 15 maiores bancos de investimentos do mundo os US$ 3,5 bilhões e cobriu o rombo.

"Nunca houve neoliberalismo", insistiu a ministra da Casa Civil. "Quando é que houve? Houve só para nós. No mundo capitalista desenvolvido, jamais houve. A questão do neoliberalismo é a forma de visão do Estado. Em momento algum, os Estados nacionais mais desenvolvidos foram enfraquecidos", disse. Dilma lembrou que, quando há algum problema no sistema, os países capitalistas sempre encontram meios de manter intacta a produção.

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG