SÃO GONÇALO DO AMARANTE - O presidente Luiz Inácio Lula da Silva disse hoje que vai aguardar as propostas da comissão interministerial que avalia a questão do pré-sal para expor sua posição sobre o assunto. O presidente, que está em visita ao Ceará, afirmou que não favorece nem desfavorece a criação de uma empresa estatal para explorar o petróleo da camada pré-sal brasileira.

A única coisa que fiz até agora foi criar um comitê interministerial para que eles apresentem uma proposta para que a gente possa debater com a sociedade brasileira. O que vai vir dessa proposta, ainda não sei. Eu tenho mais dois anos e quatro meses de mandato e a Petrobras e o petróleo, se Deus quiser, têm muitos e muitos anos de existência. Então, não é uma coisa que possa ser pensada a partir da vontade do presidente da República, do presidente da Petrobras ou da vontade de um governador. Tem que ser pensado a partir da vontade do povo brasileiro, afirmou Lula.

O presidente ainda brincou com a imprensa dizendo que a Petrobras é tão grande e tem tanto dinheiro, que, de vez em quando digo ao José Sergio Gabrielli [presidente da empresa] que vai ter um momento em que a gente vai eleger um presidente da Petrobras e ele vai indicar o presidente da República.

José Sergio Gabrielli manteve o silêncio em relação à possibilidade de criação da estatal para explorar o petróleo da camada pré-sal e disse que o assunto vai ser discutido pela comissão interministerial.

(Agência Brasil)

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.