Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Despesas derrubam em 39,5% lucro da Sabesp no 3º trimestre

SÃO PAULO - A Companhia de Saneamento Básico de São Paulo (Sabesp) encerrou o terceiro trimestre deste ano com lucro líquido de R$ 231,08 milhões, o que representa uma redução de 39,5% em relação ao mesmo período de 2007, quando o ganho somou R$ 382,2 milhões. O forte crescimento das despesas foi o grande responsável pela queda no desempenho da empresa no período.

Valor Online |

Entre julho e setembro, a Sabesp obteve receita líquida de R$ 1,59 bilhão, alta de 6,8% sobre o terceiro trimestre do ano passado. O custo dos serviços prestados cresceu na mesma proporção, passando a R$ 708,2 milhões.

Entretanto, as despesas não operacionais, gerais e administrativas acabaram prejudicando o resultado. Avançaram, juntas, nada menos que 253,4% em relação ao terceiro trimestre de 2007, atingindo o montante de R$ 325,05 milhões.

Puxaram esse movimento as linhas de " despesas gerais " e de " serviços " . A primeira, que subiu 86,9%, para R$ 117 milhões, refletiu em grande parte as maiores provisões da companhia para resultados provavelmente desfavoráveis em processos judiciais.

Já as despesas com serviços, que aumentaram 59,6%, para atingir R$ 172,8 milhões, englobaram uma série de itens, como reclassificação contábil atrelada a softwares, campanhas publicitárias, reposição de calçamentos, locação de veículos, entre outros.

Diante disso, a Sabesp viu sua geração de caixa medida pelo Ebitda (lucro antes de impostos, juros, amortizações e depreciações) recuar 4,8%, para R$ 697,43 milhões. A margem Ebitda, relação entre geração de caixa e receita líquida, caiu de 49,1% para 43,8% no intervalo analisado.

(Murillo Camarotto | Valor Online)

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG