Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Despesas com o PAC cresceram mais de 50%

As despesas feitas no âmbito do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC) em 2008 cresceram mais de 50% na comparação com 2007, somando R$ 11,3 bilhões ante R$ 7,3 bilhões em 2007, de acordo com dados do governo. O montante aplicado no PAC representou apenas 60% do total autorizado para 2008, que era de R$ 18,8 bilhões.

Agência Estado |

Houve uma melhora no nível de execução dos gastos em relação ao previsto no Orçamento, já que em 2007 as despesas realizadas no âmbito do programa representaram 44,2% do previsto.

Integrantes da equipe econômica apostam na continuidade desse processo de ampliação dos investimentos federais, especialmente neste ano de crise econômica, para alavancar o crescimento da economia. Analisando-se por área, o maior volume de recursos aplicados ocorreu no Ministério dos Transportes, com R$ 5,7 bilhões. O montante representou 59,6% dos R$ 9,6 bilhões previstos para a Pasta.

Em termos relativos, o maior nível de execução dos recursos do PAC ocorreu no Ministério das Cidades, responsável por políticas de desenvolvimento urbano, como habitação e saneamento. Foram aplicados R$ 3,3 bilhões de um total previsto de R$ 4,1 bilhões, ou seja, 80,4% do total.

As despesas realizadas no Projeto Piloto de Investimentos (PPI), que está dentro do PAC, também tiveram maior nível de execução, R$ 7,8 bilhões ante R$ 5,1 bilhões em 2007, um crescimento de 52,9%. O PPI é um instrumento que permite que determinados gastos não precisem ser considerados despesa, possibilitando reduzir o superávit primário.

Dentro do PPI, os ministérios dos Transportes, Integração e Cidades lideraram a execução, com, respectivamente, 65,5%, 44,8% e 34,8% dos volumes previstos. Os investimentos totais do governo federal, que consideram PAC e os outros realizados pelos diversos ministérios, somaram R$ 26,7 bilhões, de R$ 38,5 bilhões autorizados. O volume investido no ano passado foi 68,9% superior ao verificado em 2007.

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG