O número de desempregados caiu abaixo dos três milhões pela primeira vez em 16 anos em outubro na Alemanha, com 2,997 milhões no total, anunciou nesta quinta-feira a Agência Federal de Emprego.

A taxa de desemprego está em 7,2%, contra 7,4% em setembro, destacou a agência, constatando que a "desaceleração conjuntural e a crise financeira não tiveram conseqüências sérias no mercado de trabalho alemão em outubro".

Em novembro de 1992, o nível de desemprego chegou a 3 milhões de pessoas, um patamar simbólico muito importante no debate público alemão.

Os economistas indicam no entanto que o mercado de trabalho alemão será afetado cedo ou tarde pela desaceleração econômica mundial.

"O mercado trabalhista permanece surpreendentemente resistente por enquanto", escreveu Jennifer McKeown, da empresa Capital Economics. "Mas somente por enquanto", acrescentou.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.