GENEBRA - Em 2008, 321 desastres naturais mataram 235 mil pessoas e causaram prejuízos econômicos de US$ 181 bilhões, de acordo com dados divulgados esta manhã pela Organização das Nações Unidas (ONU), em Genebra. A dramática alta nas perdas humanas e econômicas por causa de desastres é alarmante, afirmou o diretor do Centro de Pesquisa de Desastres da ONU, Salvano Briceno, notando que muitas mortes teriam sido evitadas se escolas e hospitais tivessem sido melhor construídos para resistir a terremotos, por exemplo. Nove dos dez principais acidentes ocorreram na Ásia.

Entre 2000 e 2008, 3.501 desastres, como tufões, terremotos e outros, mataram 770 mil pessoas e deixaram prejuízos econômicos de US$ 835,3 bilhões, segundo a ONU.

(Assis Moreira | Valor Econômico, para o Valor Online)

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.