Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Deputados aprovam programa de irrigação do RS

Porto Alegre, 11 - A Assembléia Legislativa do Rio Grande do Sul aprovou hoje por unanimidade o Programa Estadual de Irrigação, que prevê instalação de açudes, cisternas e barragens para usos múltiplos da água. Com o programa, o governo poderá construir açudes em propriedades privadas.

Agência Estado |

O produtor rural beneficiado com um açude em sua propriedade fica obrigado a iniciar processo de irrigação na safra seguinte à instalação da obra. Se descumprir a exigência, poderá ter que restituir ao governo o valor do investimento, conforme prevê o projeto. O objetivo é acumular água durante os meses de chuva, no inverno, para reduzir efeitos da estiagem durante o verão.

Ao apresentar o programa aos deputados da Comissão de Agricultura, no final de outubro, o secretário extraordinário de Irrigação, Rogério Porto, disse que o governo pretende contratar obras para 1,5 mil açudes e 300 cisternas ainda em 2008.

O projeto foi aprovado com uma emenda apresentada pelo governo que autoriza o Estado a financiar redes elétricas e aquisição de equipamentos destinados à irrigação, com recursos orçamentários ou de outras fontes. O Rio Grande do Sul tem expressiva parcela de áreas irrigadas, que são usadas no plantio de arroz, que ocupa 1 milhão de hectares. Nas demais culturas, no entanto, a irrigação é inexpressiva.

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG