O presidente do Banco da Espanha, Miguel Angel Fernández Ordoñez, pediu calma nesta terça-feira aos correntistas espanhóis e afirmou que nada coloca em risco a poupança dos espanhóis.

Fernández Ordoñez fez a afirmação em uma comissão da Câmara dos Deputados, diante da qual destacou que os bancos espanhóis "têm mostrado uma resistência maior" que os outros estabelecimentos em relação à atual crise financeira.

ot/fp

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.