Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Depois de prejuízo, Goodyear vai demitir 5 mil funcionários

SÃO PAULO - A Goodyear, fabricante norte-americana de pneus, anunciou nesta quarta-feira medidas de corte de custos para enfrentar a crise de demanda mundial que atinge o setor automobilístico. A empresa informou que pretende demitir 5 mil funcionários neste ano, congelar salários e cortar a capacidade de produção em até 25 milhões de unidades nos próximos dois anos.

Valor Online |

A companhia não especificou, porém, como e em quais países os cortes serão realizados. Ela afirmou que as medidas são necessárias para adequar-se à nova realidade do mercado.

O anúncio veio depois que a Goodyear divulgou um prejuízo líquido de US$ 330 milhões no quarto trimestre do ano passado, sendo que, no mesmo período de 2007, tinha registrado lucro líquido de US$ 52 milhões.

A receita de vendas saiu de US$ 5,2 bilhões em 2007 para US$ 4,1 bilhões em 2008. A venda de pneus recuou 19% no período.

A empresa anunciou ainda que, no acumulado do ano passado, teve prejuízo líquido de US$ 77 milhões; em 2007, tinha registrado lucro líquido de US$ 602 milhões.

A receita com a venda de pneus apresentou queda de 1%, atingindo o montante de US$ 19,5 bilhões no ano passado.

Segundo o comunicado, uma das principais dificuldades que a Goodyear tem enfrentado é a alta nos custos das matérias-primas, incluindo borracha e aço, que representam cerca de 40% do custo dos pneus.

Leia mais sobre emprego

Leia tudo sobre: emprego

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG