Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Depois de dia de queda, Bovespa abre em alta

A Bolsa de Valores de São Paulo começou o pregão desta terça-feira em alta, depois de registrar fortes perdas na véspera. Na abertura, o Ibovespa registrava alta de 1,21%, aos 55.279 pontos.

Redação com agências |

 

O que embala hoje as compras de ações no exterior é o movimento continuado de queda do petróleo, que chegou a ser negociado esta manhã abaixo de US$ 119 o barril, refletindo a percepção de crescimento mais lento da economia mundial. Os metais básicos, que ontem registraram forte baixa, arrastando a Bovespa para o menor nível (55.609 pontos) desde 23 de janeiro, voltam a mostrar enfraquecimento, embora de forma menos intensa.

Na segunda-feira, a Bovespa amargou perdas de 3,51%, puxada pela queda no preço das commodities no mercado internacional.

Na agenda do dia, o mercado espera a reunião do Federal Reserve (Fed), que apresenta sua decisão sobre a taxa de juros norte-americana. A previsão é de que a taxa permaneça estável em 2% ao ano, mas se espera que o colegiado sinalize em seu comunicado alguma inclinação à possibilidade de alta nas taxas até o final do ano. O comunicado do Fed será apresentado por volta das 15h15.

Por aqui, o único indicador na agenda do dia é o Índice de Preços ao Consumidor (IPC), da Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas (Fipe), que terminou julho com elevação de 0,45%.

Dólar

O dólar vem operando em alta nesta terça-feira. Por volta das 10h, a moeda americana estava cotada a R$ 1,576, com alta de 0,83%. Ontem, a divisa subiu 0,06% e fechou cotada a R$ 1,563.

(Com informações do Valor Online e Agência Estado)

Leia também:

  • Bolsas da Europa operam com ganhos; Londres sobe 1,92%
  • Queda de commodities derruba mercados asiáticos
  •  

    Leia mais sobre Bovespa - dólar

    Leia tudo sobre: bovespadolar

    Notícias Relacionadas


    Mais destaques

    Destaques da home iG