Os preços do petróleo terminaram abaixo dos 40 dólares nesta segunda-feira em Nova York e em leve queda em Londres, com o mercado americano profundamente afetado pela demora do Congresso para aprovar o plano de reativação econômica nos Estados Unidos.

Na New York Mercantile Exchange (Nymex), o barril de West Texas Intermediate (designação do "light sweet crude" negociado nos EUA) para entrega em março encerrou cotado a 39,56 dólares, uma queda de 61 centavos em relação a sexta-feira.

Em Londres, o barril de Brent com o mesmo vencimento perdeu 19 centavos, fechando a 46,02 dólares.

"Os preços passaram à baixa no fim da sessão. Continuam os temores sobre a demanda mundial, e o plano de reativação americano está atrasado", observou Bart Melek, da BMO Capital Market.

O presidente Barack Obama fez um apelo ao Congresso nesta segunda-feira, pedindo que seu plano de reativação - atualmente no Senado - seja aprovado "imediatamente", alertando sobre o risco de um "desastre" econômico ainda maior caso Washington mantenha sua "paralisia".

As esperanças de uma votação rápida sobre o plano sustentou os preços pela manhã, mas a ausência de boas notícias a este respeito fez com que os temores do mercado prevalecessem e derrubassem a cotação do barril, além de influenciar Wall Street.

mla/ap

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.