Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Decisão do Fed ocupa foco dos investidores

SÃO PAULO - A reunião do Federal Reserve (Fed), banco central norte-americano, é o destaque da quarta-feira. Os investidores aguardam o comunicado da reunião, que pode trazer alguma medida para impulsionar ou sanear o mercado de crédito.

Valor Online |

O Fed já esgotou a possibilidade de fazer política monetária via corte de juros em dezembro, quando derrubou o custo do dinheiro para uma banda entre zero e 0,25% ao ano.

A decisão do Fed só sai por volta das 17h15. Então, antes disso, o foco dirige-se para a agenda interna. O Banco Central (BC) apresenta a nota de política fiscal de dezembro e dá uma nova parcial do fluxo cambial em janeiro.

Os investidores também recebem o resultado da Pesquisa de Emprego e Desemprego (PED), realizada pela Fundação Seade e pelo Dieese, referente ao mês de dezembro.

Ainda no campo interno, o Departamento de Pesquisas e Estudos Econômicos da Fiesp e do Ciesp divulga o Indicador de Nível de Atividade (INA) da indústria nos meses de novembro e dezembro de 2008.

No âmbito corporativo, balanços começam a ser apresentados por aqui. Após o encerramento dos negócios na Bolsa de Valores de São Paulo (Bovespa), a Santos Brasil divulga seus números. O próximo balanço agendando é o do Bradesco, na segunda-feira, dia 2 de fevereiro.

Resultados corporativos de empresas estrangeiras continuam chamando a atenção. Para hoje são esperados os números da AT & T, Boeing, Pfizer, SAP, Banco Bilbao Vizcaya Argentaria (BBVA), Canon, ConocoPhilips, Legg Manson, Tata Steel e Wells Fargo.

A quinta e a sexta-feira concentram os indicadores mais relevantes da semana. Por aqui, sai ata do Comitê de Política Monetária (Copom). Nos EUA, será divulgado a primeira preliminar do Produto Interno Bruto (PIB) no quarto trimestre.

(Eduardo Campos | Valor Online)

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG