Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Datagro: 40 milhões de toneladas de cana ficarão em pé em 2008/09

São Paulo, 27 - Um volume em torno de 40 milhões de toneladas de cana-de-açúcar será deixado em pé no fim da safra 2008/09, cujo processamento deve se encerrar em meados de novembro. A informação é do presidente da Datagro, Plínio Nastari, que falou antes do início da oitava Conferência Internacional Datagro de Açúcar e Álcool, que ocorre hoje e amanhã em São Paulo.

Agência Estado |

Segundo Nastari, o clima mais úmido do que o previsto e o atraso da entrada em operação de algumas usinas vão deixar um volume superior à metade da safra do Nordeste em pé. A previsão anterior era de que 34 milhões de toneladas seriam deixadas sem colher na safra 2008/09. Nastari informou que, das 35 usinas que deveriam entrar em operação na atual safra, apenas 23 começaram a moer até o momento.

Capital de Giro

A falta de capital de giro está fazendo com muitas usinas vendam seus estoques de etanol antecipadamente, para gerar fluxo de caixa. "Isto está fazendo com que os preços do etanol caiam nesse momento apesar do aumento do consumo", explicou Nastari. Segundo o presidente da Datagro, isto não é bom porque os volumes de álcool disponíveis nos meses de entressafra serão menores do que o esperado, o que vai fazer com que o impacto nos preços seja expressivo.

"Se os preços recuam agora terão que subir em algum momento para equilibrar a equação. O etanol ia registrar alta de preços na entressafra mas com este movimento novo, esta alta será muita rápida e maior que o esperado". Nastari disse que as empresas estão se esforçando muito para conseguir fluxo de caixa mas os recursos estão escassos e caros. "Linhas de crédito passaram de 6% a 8% ao ano para um patamar de 20% a 23%", disse.

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG