Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Dantas ficará calado em depoimento à Justiça Federal, informa advogado

SÃO PAULO - O banqueiro Daniel Dantas deverá mesmo permanecer em silêncio durante o depoimento marcado para as 13 horas desta quinta-feira na Justiça Federal, em São Paulo. A informação foi confirmada pelo advogado Gustavo Teixeira, que integra a equipe de defesa de Dantas.

Valor Online |

Segundo o advogado, a posição parcial do juiz Fausto Martin de Sanctis, da 6ª Vara Criminal de São Paulo, é o grande motivo para o silêncio do banqueiro. A defesa de Dantas já entrou com pedido para que o juiz se afastasse do processo, por entender que ele não estaria apto a cuidar do caso de forma imparcial.

No mês passado, Nélio Machado, advogado de Dantas, disse que De Sanctis estaria comprometido do ponto de vista da isenção do caso pelas declarações que deu e pelo prejulgamento que teria tido sobre Daniel Dantas.

O depoimento de hoje irá abordar a suposta tentativa de suborno ao delegado da Polícia Federal Vitor Hugo Rodrigues Alves, para que este retirasse das investigações da Operação Satiagraha os nomes de Dantas e de parentes do banqueiro.

(Murillo Camarotto | Valor Online)

Leia tudo sobre: daniel dantas

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG