O dólar comercial caiu pelo segundo dia seguido hoje e fechou as negociações no mercado interbancário de câmbio cotado a R$ 1,795, um recuo de 0,17%. Faltando apenas um dia útil para fechar o mês, o dólar acumula queda de 0,61% em março; no ano, registra alta de 2,98%.

O dólar comercial caiu pelo segundo dia seguido hoje e fechou as negociações no mercado interbancário de câmbio cotado a R$ 1,795, um recuo de 0,17%. Faltando apenas um dia útil para fechar o mês, o dólar acumula queda de 0,61% em março; no ano, registra alta de 2,98%. Na Bolsa de Mercadorias & Futuros (BM&F), o dólar à vista fechou o pregão desta terça-feira a R$ 1,794, baixa de 0,50%. O euro comercial cedeu 0,62% para R$ 2,407.<p><p>No segmento de câmbio turismo, o dólar estava cotado a R$ 1,873 na ponta de venda e R$ 1,75 para compra. O euro turismo valia R$ 2,523 na venda e R$ 2,37 na compra.<p><p>No mercado interbancário, o dólar já começou o dia em queda ante o real, com os dados da economia americana favoráveis estimulando as Bolsas de Nova York e o bom humor do investidor. Em seguida, a percepção do mercado de que a Grécia teve de pagar um prêmio elevado na emissão de 5 bilhões de euros em títulos de sete anos fechada ontem, um sinal da fraca demanda pelos títulos, reacendeu as preocupações com a situação fiscal do país e sua capacidade de levantar novos recursos..<p><p>Nos Estados Unidos, o índice de confiança do consumidor dos EUA, medido pelo Conference Board, subiu de 46,4 em fevereiro para 52,5 em março e ficou acima da previsão média dos analistas, que era de avanço para 51. O índice que mede a avaliação dos consumidores para as condições econômicas atuais também subiu, de 21,7 em fevereiro para 26 em março. Originalmente, havia sido anunciado um número de 19,4 para fevereiro.
    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.