O déficit comercial norte-americano cresceu mais do que o esperado em fevereiro, com a disparada das importações de bens de consumo e de matérias-primas industriais superando uma queda das importações de petróleo para o menor nível em 11 anos. O déficit comercial dos Estados Unidos subiu 7,4% em fevereiro, para US$ 39,70 bilhões, de US$ 36,95 bilhões em janeiro, dado revisado em baixa de déficit de US$ 37,29 bilhões.

O déficit comercial norte-americano cresceu mais do que o esperado em fevereiro, com a disparada das importações de bens de consumo e de matérias-primas industriais superando uma queda das importações de petróleo para o menor nível em 11 anos. O déficit comercial dos Estados Unidos subiu 7,4% em fevereiro, para US$ 39,70 bilhões, de US$ 36,95 bilhões em janeiro, dado revisado em baixa de déficit de US$ 37,29 bilhões. Economistas esperavam déficit de US$ 39 bilhões em fevereiro. <p><p>As exportações norte-americanas subiram 0,2% em fevereiro, para US$ 143,17 bilhões, o maior patamar desde outubro de 2008, de US$ 142,89 bilhões em janeiro. As importações cresceram 1,7% em fevereiro, para US$ 182,88 bilhões, de US$ 179,84 bilhões em janeiro. O déficit real, ajustado à inflação, que os economistas utilizam para avaliar o impacto do comércio no Produto Interno Bruto (PIB), subiu para US$ 42,45 bilhões em fevereiro, de US$ 40,93 bilhões em janeiro, disse o Departamento do Comércio. <p><p>As importações de petróleo cederam em fevereiro para US$ 17,74 bilhões, de US$ 18,12 bilhões em janeiro. Em termos de volume, as importações de petróleo recuaram para 243,31 milhões de barris, o menor volume desde fevereiro de 1999. Os EUA pagaram US$ 23,04 bilhões por todos os tipos de importações relacionadas à energia em fevereiro, abaixo dos US$ 24,68 bilhões de janeiro. <p><p><b>China</b><p><p>O déficit comercial dos Estados Unidos com a China caiu para US$ 16,51 bilhões em fevereiro, atingindo o menor nível desde março de 2009. Em janeiro, o déficit dos EUA com o país estava em US$ 18,30 bilhões. As exportações para a China cederam para US$ 6,86 bilhões em fevereiro, de US$ 6,89 bilhões em janeiro, enquanto as importações recuaram para US$ 23,36 bilhões em fevereiro, de US$ 25,19 bilhões em janeiro. As importações da China ficaram em fevereiro no menor nível desde maio de 2009. <p><p>O déficit comercial dos EUA com o Canadá recuou para US$ 2,78 bilhões, de US$ 3,89 bilhões em janeiro. Mas com outros grandes parceiros, o déficit dos EUA ampliou-se. Com o Japão, subiu para US$ 4,30 bilhões, de US$ 3,35 bilhões em janeiro. O déficit comercial com a zona do euro subiu para US$ 4,28 bilhões em fevereiro, de US$ 2,94 bilhões em janeiro; o déficit comercial com o México subiu para US$ 4,77 bilhões, de US$ 4,62 bilhões em janeiro. As informações são da Dow Jones.
    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.