SÃO PAULO - A Comissão de Valores Mobiliários (CVM) informou hoje que aplicou multa de R$ 50 mil ao investidor Alberto Michaan por ele não ter comunicado ao mercado a aquisição de mais de 5% das ações preferenciais emitidas pelo Banco Mercantil do Brasil. De acordo com os termos do Processo Administrativo Sancionador sobre o caso, o investidor alegou não ter feito a comunicação por um lapso e por acreditar que caberia à companhia divulgar tal informação.

O acusado poderá apresentar recurso, com efeito suspensivo, ao Conselho de Recursos do Sistema Financeiro Nacional.

(Valor Online)

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.