Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Custo da cesta básica no Rio sobe pela 20ª vez seguida

O custo da cesta básica de compras na cidade do Rio de Janeiro subiu 0,09% na segunda semana de julho (entre os dias 8 e 15 julho), ante alta de 0,32% na semana anterior, informou hoje a Federação do Comércio do Estado do Rio de Janeiro (Fecomércio-RJ). Mesmo com a alta menor no custo da cesta, a entidade ressaltou que foi a vigésima elevação consecutiva no custo da cesta de compras na capital fluminense.

Agência Estado |

Com o resultado, o valor da cesta de compras subiu de R$ 385,20 para R$ 385,55, na passagem da primeira para a segunda semana deste mês.

Ao analisar o aumento no custo da cesta básica de compra por faixas de renda, a Fecomércio-RJ informou que o impacto da cesta mais cara foi sentido tanto por famílias com renda de até oito salários mínimos (até R$ 3.320,00) quanto por aquelas que recebem acima desse valor. "Para o primeiro grupo, o avanço nos gastos ficou em 0,05%. Para o segundo, foi de 0,12%", informou a entidade, em comunicado.

Na segunda semana de julho, o tomate foi o produto que apresentou a alta de preço mais expressiva (4,76%), seguido por aumentos nos preços de queijo prato (2,29%), frango (1,98%) e carne bovina de segunda (1,92%). Em contrapartida, houve quedas nos preços de cenoura (-5,34%); banana prata (-4,83%) e cerveja (-2,55%).

Na análise mensal, entre 14 de junho e 15 de julho, o custo da cesta básica de compras no Rio subiu 1,34%. Até a segunda semana de julho, o custo da cesta acumula elevações de 15,36% no ano; e de 24,06% em 12 meses. A pesquisa abrange coleta de preços em 39 produtos, consumidos por famílias de dez diferentes faixas de renda.

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG