Tamanho do texto

A Companhia Siderúrgica Nacional teria decidido adiar em um mês a parada para manutenção do alto-forno 2, programada para 15 de fevereiro, de acordo com o diretor do Sindicato dos Metalúrgicos do Sul Fluminense, Bartolomeu Citelli. Segundo ele, a CSN quer aproveitar o atual momento de recuperação de vendas.

A empresa não quis se pronunciar.