Investidor está mais otimista com Espanha, diz ministro

Titular das Finanças afirmou ainda que país já completou quase 90% do cronograma de emissão de títulos deste ano, o que o deixa numa situação "extremamente confortável"

Agência Estado |

Agência Estado

O ministro das Finanças da Espanha, Luis de Guindos, disse neste sábado que o sentimento dos investidores em relação ao país melhorou muito nos últimos meses e que o governo não terá nenhum problema de pagar dívidas que estão para vencer nas próximas semanas.

"Há muito mais otimismo em relação à Espanha que há três ou quatro meses", disse Guindos, durante entrevista coletiva durante os encontros do Fundo Monetário Internacional (FMI), em Tóquio. Guindos afirmou ainda que a Espanha já completou quase 90% do cronograma de emissão de títulos deste ano, o que deixa o país numa situação "extremamente confortável" antes do vencimento de grandes volumes de dívida neste mês.

MaisEspanha pode pedir resgate europeu em novembro

Segundo ele, à medida que o tempo passa, a estratégia da Espanha se mostra correta, e a redução do déficit público do país é "inevitável". O ministro afirmou que mantém a meta 4,6% do déficit público para 2012 e que o importante é "dissipar as dúvidas" sobre a economia do país.

Ao ser questionado sobre um possível pedido de resgate financeiro da Espanha, Guindos disse que "cada vez se tem mais informação, mais conhecimento dos elementos e isto, logicamente, mostra que a estratégia do governo espanhol era a correta, a medida que passa o tempo".Mas Guindos não descartou a possibilidade de um pedido de resgate.

(com AFP)

Leia tudo sobre: investidorespanhacrise econômicagovernoFMItítulos

Notícias Relacionadas


    Mais destaques

    Destaques da home iG