Renault diz estudar possível fechamento de fábricas na Europa

Mercado de automóveis está em baixa no continente

Reuters |

Reuters

A fabricante francesa de veículos Renault está considerando o fechamento completo de fábricas por causa da má situação do mercado automotivo europeu, afirmou o presidente operacional da montadora, Carlos Tavares, a um jornal alemão.

"Estamos atualmente falando com os sindicatos e explicando a eles quão grande são as lacunas em nossa competitividade", disse ao jornal alemão de negócios Automobilwoche.

Bloomberg via Getty Images
Renault afirma que crise europeia pode causar fechamento de fábricas

"Temos um problema de competitividade na Europa ocidental e na França", acrescentou.

O prolongado declínio do mercado automotivo europeu está fazendo até mesmo que montadoras mais confiantes, como a Volkswagen, sintam-se vulneráveis. "Estamos esperando por mais notícias negativas em 2013, talvez também em 2014", disse Christian Klingler, chefe de vendas da VW, na semana passada.

Tavares indicou que a cooperação da Renault com a Nissan deu à montadora bons níveis de produtividade nas fábricas da Nissan de Sunderland, Reino Unido, e Barcelona, na Espanha.

"Essas fábricas são realmente de ponta", disse o executivo, acrescentando que há conversas sobre se a Nissan pode tornar a capacidade de produção disponível para a Renault. "É uma possibilidade".

(Por Jonathan Gould)

Leia tudo sobre: RENAULTcrise

Notícias Relacionadas


    Mais destaques

    Destaques da home iG