A Comissão de Operações em Bolsa dos Estados Unidos (SEC) suspeita que vários fundos especulativos propagaram boatos para reduzir a cotação de importantes instituições financeiras e aproveitar a situação, revela o site do Wall Street Journal nesta quarta-feira.

Segundo o jornal, mais de vinte "hedge funds" receberam citações para comparecer à SEC.

Os papéis em questão seriam os dos bancos Goldman Sachs, Morgan Stanley, Washington Mutual, Merrill Lynch e Lehman Brothers, e da seguradora AIG.

A investigação da SEC busca determinar se houve a utilização abusiva da venda a descoberto, que consiste em vender um ativo financeiro ou derivativo que não se possui, esperando que seu preço caia para então comprá-lo e lucrar na transação.

gmo/LR

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.