BRASÍLIA - O risco de a crise financeira atingir os bancos brasileiros é muito pequeno, na avaliação do ministro da Fazenda, Guido Mantega. Não vejo contaminação.

O sistema financeiro aqui está sólido. Talvez tenhamos alguma escassez de crédito internacional, não do credito local", observou.

Segundo Mantega, se o problema se prolongar, o governo poderá tomar algumas medidas e estimular o crédito para investimento, "não para consumo, porque crédito para consumo não está faltando".

Mantega ressaltou que as empresas brasileiras que captavam recursos no exterior não estão conseguindo ou estão pagando preço muito alto para isso.

O ministro garantiu que, se faltar crédito internamente para investimento, agricultura e exportações, por exemplo, o governo tomará as medidas no sentido de resolver o problema. "Não tomou [nenhuma medida] porque por enquanto não há necessidade para isso".

"(Agência Brasil)"

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.