Os observadores europeus encarregados de monitorar o fluxo do gás russo na Ucrânia viajam a este país a partir desta sexta-feira, anunciou o governo ucraniano em comunicado.

Segundo Viatcheslav Kniajitski, encarregado do setor de energia da delegação ucraniana, o acordo autorizando essa presença, assinado pelo presidente da companhia de gás ucraniana Oleg Doubina e o vice-primeiro-ministro ucraniano Hryhoriy Nemyria "abre caminho para a retomada do trânsito através da Ucrânia".

ant/ahe/sd

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.