Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Crise diminui consumo de milho pela indústria de etanol dos EUA

Washington, 11 - Os problemas financeiros generalizados enfrentados pela indústria produtora de álcool nos Estados Unidos têm se traduzido na queda do consumo de milho, principal matéria-prima para a produção do combustível no país. Em seu relatório mensal de oferta e demanda, o Departamento de Agricultura dos EUA (USDA) reduziu a estimativa para o consumo do grão pela indústria de etanol na safra 2008/09 para 3,7 bilhões de bushels (94 milhões de toneladas), de 4,00 bilhões (101,6 milhões de toneladas) estimados em novembro.

Agência Estado |

"É menor a perspectiva de misturar álcool à gasolina em níveis acima do exigido pelo governo federal", avaliou o USDA em seu relatório. "Os problemas financeiros estão reduzindo a capacidade de utilização das usinas já instaladas e adiando a abertura das unidades em construção."

O USDA manteve a estimativa de produção de milho inalterada, mas a queda na demanda na indústria de etanol e em outros setores fez projeção dos estoques ao término da safra 2008/09 aumentar em 350 milhões de bushels para 1,474 bilhão de bushels, ante novembro. As informações são da Dow Jones.

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG