Tamanho do texto

O governo tem R$ 5 bilhões de créditos de Adiantamento para Futuro Aumento de Capital (Afac) para serem utilizados nas operações de capitalização de empresas estatais que estão em negociação pelo Tesouro Nacional, como a Eletrobrás. A Afac é um adiantamento que o acionista faz para reforçar o caixa da empresa.

O governo tem R$ 5 bilhões de créditos de Adiantamento para Futuro Aumento de Capital (Afac) para serem utilizados nas operações de capitalização de empresas estatais que estão em negociação pelo Tesouro Nacional, como a Eletrobrás. A Afac é um adiantamento que o acionista faz para reforçar o caixa da empresa. Funcionam como reserva do acionista para que, na necessidade de aumentar o capital, o gasto efetivo seja minimizado. <i>As informações são do jornal O Estado de S.Paulo.</i>

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.