Tamanho do texto

WASHINGTON (Reuters) - A economia dos Estados Unidos fechou 598 mil postos de trabalho em janeiro, o corte mais profundo em 34 anos, enquanto a taxa de desemprego subiu para 7,6 por cento, segundo relatório do Departamento de Trabalho divulgado nesta sexta-feira, que ressalta o aprofundamento da recessão no país. O fechamento de postos de trabalho em janeiro foi pior que o projetado pelo mercado, que apostava em redução de 525 mil vagas.

Os analistas de Wall Street também esperavam taxa de desemprego menor, de 7,5 por cento.

(Reportagem de Glenn Somerville)