Tamanho do texto

SANTIAGO (Reuters) - A chilena Copec disse nesta terça-feira que sua filial Arauco, uma das maiores produtoras de celulose do mundo, retomou parcialmente as operações em sua fábricas, danificadas pelo terremoto de 27 de fevereiro no Chile. A filial florestal da Copec disse que ainda avalia os danos em cinco fábricas de celulose localizadas no sul do Chile, que foram afetadas pelo terremoto de 8,8 graus de magnitude.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.