Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Contrato de Jirau será assinado nesta terça-feira, com 4 meses de antecedência

BRASÍLIA - O contrato de concessão da Usina Hidrelétrica de Jirau, no rio Madeira (RO), será assinado nesta terça-feira (12), às 11h, no Palácio do Planalto. A cerimônia deverá contar com a presença do presidente Luiz Inácio Lula da Silva e do ministro de Minas e Energia, Edison Lobão, além de representantes das empresas responsáveis pela obra.

Valor Online |

De acordo com o cronograma estimado pela Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel), o contrato seria assinado em janeiro do ano que vem, mas a empresa Energia Sustentável do Brasil, responsável pela obra, antecipou a entrega dos documentos necessários. O consórcio é formado pelas empresas Suez, Camargo Corrêa, Eletrosul e Chesf, que venceram o leilão em maio.

A Usina Hidrelétrica de Jirau terá 3,3 mil megawatts de capacidade instalada e deverá gerar energia a partir de 2013. O custo da obra foi estimado pela Empresa de Pesquisa Energética (EPE) em R$ 8,7 bilhões.

Derrotada no leilão de Jirau, a construtora Odebrecht, líder do consórcio vencedor do leilão da usina de Santo Antônio, também no rio Madeira, já demonstrou que pretende questionar na Justiça a mudança do local de construção da barragem proposta pelo consórcio Energia Sustentável. O consórcio vencedor alterou a localização da barragem em 9 quilômetros. O contrato de concessão da Usina de Santo Antônio foi assinado em junho.

Leia tudo sobre: jirajirau

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG