Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Construtora PDG anuncia compra de Agre ao mercado

Rio de Janeiro, 4 mai (EFE).- A construtora PDG Realty anunciou hoje ao mercado que chegou a um acordo para adquirir as ações da também construtora Agre, o que criará a maior empresa do setor imobiliário no Brasil.

EFE |

Rio de Janeiro, 4 mai (EFE).- A construtora PDG Realty anunciou hoje ao mercado que chegou a um acordo para adquirir as ações da também construtora Agre, o que criará a maior empresa do setor imobiliário no Brasil. Em comunicado, a PDG informou aos acionistas e ao mercado que incorporará as ações de Agre para transformá-la em uma subsidiária integral e que oferecerá aos sócios da empresa adquirida parte de novas ações que emitirá como forma de pagamento. De acordo com o fato relevante divulgado, a PDG realizará uma emissão de 148,5 milhões de novas ações ordinárias e os atuais sócios da Agre terão direito a 0,495 partes de cada um desses novos papéis por cada ação ordinária que tenham na Agre. A substituição de ações levou em conta que, enquanto o preço médio dos papéis da PDG nos últimos dez dias foi de R$ 15,48 por ação ordinária, o da Agre foi de R$ 7,66. Isso significa que os sócios da Agre receberão cerca de R$ 1,138 bilhão em ações da PDG por seus papéis e passarão a possuir cerca de 23,9% das ações ordinárias da PDG. "A Incorporação de Ações cria a maior empresa do setor imobiliário do país, e tem por objetivo unificar as bases acionárias e a gestão das Companhias, bem como propiciar ganhos de sinergia resultantes da unificação das atividades das Companhias", descreve a nota enviada à Bolsa de Valores de São Paulo (Bovespa). Uma vez aprovado e concluído o negócio, a empresa resultante terá um volume de lançamentos ao ano de R$ 6,5 bilhões e R$ 7,5 bilhões. O acordo foi aprovado pelos conselhos de administração de ambas as empresas, mas o negócio ainda depende da aprovação das assembleias de acionistas das duas construtoras e das autoridades reguladoras do Brasil. Embora os sócios da Agre passarão a ser sócios também da PDG, a composição do conselho de administração e da direção desta última não será alterada. EFE cm/sa

Leia tudo sobre: iG

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG