Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Conselho da Vale aprova pagamento de R$ 3,448 bilhões aos acionistas

RIO - O conselho de administração da Vale aprovou o pagamento da segunda parcela de remuneração dos acionistas da empresa em 2008. No total serão R$ 2.

Valor Online |

693.875.000,00 (US$ 1,25 bilhão), com remuneração adicional ao acionista de R$ 754.285.000,00 (US$ 350 milhões), totalizando R$ 3.448.160.000,00, equivalente R$ 0,653260895 por ação ordinária ou preferencial em circulação.

Computando-se a primeira parcela da remuneração mínima paga a partir do dia 30 de abril, a Vale distribuirá a seus acionistas em 2008 o valor de US$ 2,85 bilhões, representando R$ 5.557.910.000,00, valor 55,53% superior ao distribuído no ano passado.

Do total de R$ 3.448.160.000,00, serão pagos R$ 2.717.000.000,00, o equivalente a R$ 0,514741153 por ação ordinária ou preferencial, na forma de juros sobre o capital próprio (JCP), enquanto outros R$ 731.160.000,00 serão pagos sob a forma de dividendos, o equivalente a R$ 0,138519743 por ação ordinária ou preferencial.

O pagamento será efetuado a partir de 31 de outubro e a parcela distribuída como JCP está sujeita à dedução do Imposto de Renda na fonte. Os valores em reais foram obtidos pela taxa de câmbio do dia 15 de outubro, de R$ 2,1551 por dólar.

Terão direito à remuneração todos os acionistas que tiverem ações da mineradora negociadas na Bolsa de Valores de São Paulo (Bovespa) no dia 16 de outubro. Para os acionistas detentores de American Depositary Receipts (ADRs) da Vale negociadas na Bolsa de Nova York (Nyse) e na Euronext Paris, a "record date" será 23 de outubro.

Segundo a nota distribuída pela mineradora, as ações da Vale serão negociadas ex-JCP e ex-dividendos (ex-direitos) na Bovespa a partir de 17 de outubro, e na Nyse e na Euronext Paris a partir de 21 de outubro de 2008.

(Valor Online)

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG