SÃO PAULO - A confiança dos grandes empresários manufatureiros do Japão registrou a queda mais marcada em 34 anos e está agora no menor nível em quase sete anos. O indicador que mede esse sentimento ficou em -24 nos três meses encerrados em dezembro, perante os -3 apurados no trimestre findo em setembro.

O resultado, que faz parte da pesquisa Tankan, realizada pelo Banco do Japão (BOJ) sinaliza para uma forte recessão e uma rápida deterioração das condições na segunda maior economia mundial.

O indicador referente à confiança dos grandes empresários não-manufatureiros diminuiu 10 pontos, para -9. Entre os pequenos manufatureiros, ficou em -29, um recuo de 12 pontos, e entre os pequenos não-manufatureiros acabou em -29, declínio de 5 pontos.

(Valor Online, com agências internacionais)

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.