BERLIM (Reuters) - A confiança do empresário da Alemanha deteriorou-se pelo sétimo mês consecutivo em dezembro, mês em que as companhias exportadoras sofreram com a desaceleração global, segundo uma pesquisa divulgada nesta quinta-feira. O instituto de pesquisa econômica Ifo disse que seu índice de confiança, feito com cerca de 7 mil empresas, caiu para 82,6 neste mês, ante 84,0 em novembro. Economistas consultados pela Reuters esperavam uma leitura de 84,0.

Foi a menor leitura do indicador desde a reunificação do país, em 1990.

"Não há fim à vista (para a queda). O índice Ifo novamente caiu como uma pedra em dezembro", disse Carsten Brzeski, do ING Financial Markets. "A economia alemã está no meio de uma recessão severa, mas ainda não está claro quão longa essa recessão será."

O componente de condições atuais recuou para 88,8, ante 94,9 em novembro. O de expectativas declinou para 76,8 neste mês, comparado a 77,6 no anterior.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.