Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Confiança do consumidor é a menor desde 2005

O Índice de Confiança do Consumidor (ICC) atingiu neste mês o menor nível desde novembro de 2005, segundo a Federação do Comércio do Estado de São Paulo (Fecomércio-SP). Em janeiro, o indicador ficou em 124,4 pontos, com queda de 2% na comparação com dezembro.

Agência Estado |

Em novembro de 2005, o ICC estava em 117,39 pontos e em janeiro de 2008, em 142,81. "O ICC é um indicador antecedente importante para as vendas veículos", observa o economista da entidade, Thiago Freitas. Ele lembra que em setembro último o ICC recuou e, dois meses depois, as vendas de automóveis despencaram.

O recuo foi puxado para baixo principalmente pela queda nas expectativas futuras, que caiu 3,1%, enquanto o índice de confiança da situação atual ficou praticamente estável (-0,1%). O economista pondera que, apesar do recuo do ICC, o resultado ainda reflete otimismo, uma vez que o indicador ficou acima de 100, a marca do equilíbrio.

A queda maior no índice de confiança futuro (3,8%) ocorreu entre pessoas que recebem mais de dez salários mínimos mensais (R$ 4.150). Já para o consumidor abaixo dessa faixa de renda o índice caiu 2,2%. "Esse resultado era previsível, pois quem tem mais informações sobre a crise está mais preocupado."

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG