Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Confiança do consumidor brasileiro sobe no mês em agosto, mostra FGV

SÃO PAULO - O índice de confiança do consumidor (ICC) expandiu-se 6,2% em agosto no confronto com um mês antes, indo de 101,9 pontos para 108,2 pontos. Com isso, explicou a Fundação Getulio Vargas (FGV) em nota, o indicador recuperou parte das perdas ocorridas nos últimos meses - em junho, por exemplo, o ICC ficou em 107,2 pontos seguindo os 114,6 pontos de maio. Em agosto de 2007, marcou 109,3 pontos.

Valor Online |

Nos últimos meses, o ICC tem sido influenciado pela maior volatilidade das avaliações pontuais e pelas previsões feitas pelo consumidor em relação à situação da economia na cidade em que reside, observou o organismo.

Houve melhoria tanto as avaliações sobre o quadro corrente quanto futuro - o Índice da Situação Atual elevou-se em 9,3% entre o mês passado e este e o Índice de Expectativas avançou 4,6%, ficando em 110,6 pontos e 107 pontos, na ordem.

Na passagem de julho para agosto, foi de 12% para 13,8% a parcela dos consumidores que classificaram como boa a situação econômica local ao mesmo tempo que caiu de 51% para 40,6% a proporção daqueles que a consideraram como ruim.

Para os próximos seis meses, 26,6% dos consultados acreditam em recuperação e 13,8% esperam o contrário. Em julho, esses percentuais eram 21,6% e 21%, respectivamente.

O ICC é composto por cinco quesitos contidos na Sondagem de Expectativas do Consumidor, realizada com base em uma amostra de mais de 2 mil domicílios em sete das principais capitais brasileiras.

(Valor Online)

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG