Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Confeitaria tailandesa tira do mercado biscoitos contaminados com melamina

Bangcoc, 14 out (EFE).- Uma das redes de confeitarias mais populares da Tailândia, a S&P, anunciou hoje a retirada de seus biscoitos de todos os seus estabelecimentos após as autoridades suíças encontrarem nestes produtos rastros de melamina.

EFE |

Ontem, o Ministério da Saúde da Suíça informou que seus pesquisadores encontraram altos índices da substância nas análises de laboratório e pediu aos outros países da Europa que proíbam a importação de produtos da S&P.

O vice-conselheiro delegado da S&P, Witoon Sila-on, negou em um comunicado que a companhia exporte seus biscoitos para a Suíça e colocou em dúvida a veracidade da descoberta.

No entanto, se comprometeu a enviar mostras de seus produtos para as autoridades tailandesas, para que elas determinem se são "seguras para o consumo".

Witoon afirmou que os biscoitos incluíam leite em pó importada da Austrália e não da China, onde quatro bebês morreram e 4.000 ficaram doentes no âmbito do escândalo do leite adulterado.

A melamina é um componente químico industrial usado na fabricação de plásticos e misturado com o leite para simular que é rico em nutrientes, um processo habitual na China.

No ano passado, Pequim se comprometeu a reforçar as medidas de controle sanitário após diversas exportações de alimentos causarem intoxicações no exterior.

A contaminação destes produtos ameaça arruinar o setor lácteo chinês, já que os consumidores do país começaram a reduzir drasticamente o consumo destes produtos e muitos países de todo o mundo proibiram sua importação. EFE grc/fal

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG