Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Conab realiza leilão de gado apreendido na Operação Boi Pirata

Brasília - A Companhia Nacional de Abastecimento (Conab) realizará amanhã (14) um leilão de 3.500 cabeças de gado da raça nelore, apreendidas na Operação Boi Pirata, deflagrada há algumas semanas pelo Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama) para reprimir o uso de terras de uma estação ecológica na Terra do Meio, no Pará, para o pasto dos animais.

Agência Brasil |

As 3.500 cabeças de gado, da raça nelore, estão divididas em quatro lotes, com 2.100 vacas, 800 novilhos, 555 bezerros e 45 touros, que serão leiloados separadamente também em quatro lotes.

O leilão vai ser realizado por meio do Sistema Eletrônico de Comercialização (SEC) da Conab, a partir das 10h, e o dinheiro arrecado será revertido para as ações do programa Fome Zero do Ministério do Desenvolvimento Social (MDS).

A expectativa dos organizadores do leilão é arrecadar em torno de R$ 4 milhões com os quatro lotes. Segundo o superintendente de Programas Institucionais e Sociais de Abastecimento da Conab, João Claúdio Dalla Costa a alternativa de abate e distribuição da carne em programas sociais não poderia ser feita, porque "a carne é muito perecível, é quase impossível haver uma distribuição em nível nacional, afirmou.

Ainda segundo Dalla Costa, qualquer pessoa pode participar do leilão. Podem participar todas as pessoas físicas ou jurídicas, desde de que não seja autora ou co-autora dessa infração em específico.

O leilão será gerenciado pela Conab em Brasília, onde nós temos a nossa central de gerenciamento dos leilões, disse. Segundo ele, o leilão poderá ser acompanhado pelo site da Conab - www.conab.gov.br.

Leia tudo sobre: leilão

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG