bois piratas - Home - iG" /
Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Conab realiza amanhã quarta tentativa de venda dos bois piratas

São Paulo, 25 - A Companhia Nacional de Abastecimento (Conab) realiza amanhã a quarta tentativa de venda dos bois apreendidos em junho pelo Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama), na Estação Ecológica Terra do Meio, que fica em Altamira, no Pará. O leilão dos bois piratas estava previsto para a terça-feira da semana passada e foi adiado a pedido do Ibama, que obteve do desembargador federal Souza Prudente, do Tribunal Regional Federal da 1ª Região, a autorização de deságio de até 50% em relação ao valor de mercado, para o preço inicial do remate.

Agência Estado |

O valor de todo o rebanho (3.046 cabeças), com o deságio de 50% deve ficar em torno de R$ 1,6 milhão.

O rebanho é composto por 1.455 vacas, 192 touros, 909 novilhos, 486 bezerros, 2 bois carreiros e outros dois marrucos (sem raça definida). O edital do leilão lembra que os animais estão dispersos nas áreas de pasto e que tanto a quantidade de animais quanto a retirada dos mesmos pode sofrer algum tipo de alteração. A negociação será feita em seis lotes.

Até agora, o Ibama não conseguiu concretizar a venda dos animais apreendidos pois o valor inicial estava muito acima do praticado pelo mercado. Sem o interesse de compradores e com poucas informações sobre os animais, as três tentativas de leilão foram frustradas. Por esse motivo, o Ibama entrou na Justiça para conseguir um deságio de 50% sobre o valor inicial para ver se assim consegue atrair o interesse de algum comprador.

Leia tudo sobre: economia

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG