Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Conab programa leilão extra de arroz para conter preço

Porto Alegre, 19 - A Companhia Nacional de Abastecimento (Conab) alterou sua programação e anunciou um leilão adicional de estoques públicos de arroz para a terça-feira. Inicialmente, em negociação com a cadeia produtiva, ficou decidido que seriam realizados três leilões quinzenais.

Agência Estado |

No primeiro leilão, realizado na terça-feira desta semana, o governo ofertou 50,1 mil toneladas. O volume a ser ofertado no que seria o segundo pregão, previsto para o dia 30, dependeria do comportamento do mercado, mas o governo mudou sua estratégia e optou por um quarto leilão.

No pregão realizado na terça, o preço médio ponderado ficou acima de R$ 35,00 nos dois primeiros avisos de venda, superando a cotação praticada no mercado gaúcho. Mesmo com a oferta de 50,1 mil toneladas nesta semana, que foram integralmente negociadas, o preço do arroz atingiu o maior valor do ano ontem no Rio Grande do Sul, de R$ 35,51, conforme acompanhamento do Centro de Estudos Avançados em Economia Aplicada (Cepea). Antes disso, o maior preço diário tinha sido de R$ 35,49, em maio.

O superintendente da Conab no Estado, Carlos Farias, explicou que a decisão de realizar mais um leilão foi tomada em conjunto pelo órgão e Secretaria de Política Agrícola do Ministério da Agricultura. Ele lembrou que o preço médio praticado no leilão do dia 16 ficou R$ 3,00 acima do anterior. "O governo não tinha outro caminho que aumentar os volumes", observou.

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG