Brasília, 28 - Metade da safrinha de milho do Mato Grosso e do Paraná deve estar colhida até o final desta semana, estima a Companhia Nacional de Abastecimento (Conab). Juntos, os dois Estados respondem por 12 milhões de toneladas, cerca de 68% de toda a produção nacional do grão na segunda safra.

Devem ser colhidas 17,6 milhões de toneladas de milho na safra de inverno (safrinha) em todo o País, crescimento de 19% em relação à colheita na safra anterior. As informações são da assessoria de imprensa do Ministério da Agricultura.

Segundo Eledon Oliveira, gerente de Avaliação de Safras, a colheita deve seguir até o mês de setembro na região Centro-Sul e até novembro no Norte e Nordeste. Ele também diz que com a melhora da produtividade e o estímulo dos preços do produto nos mercados interno e externo, o fechamento da safra será recorde. "Os produtores que obtinham produtividade de 1.320 quilos por hectare em 1990, hoje colhem 3.469 quilos por hectare. O aumento foi de 163%", explicou.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.