Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Compras seguem firmes e Bovespa retoma os 38 mil pontos

SÃO PAULO - A Bolsa de Valores de São Paulo (Bovespa) caminha para um encerramento de pregão em território positivo, reavendo parte da acentuada perda de 4% de ontem. Por volta das 17h20, o Ibovespa subia 2,16%, para 38.

Valor Online |

076 pontos. O giro financeiro era de R$ 2,92 bilhões.

As compras por aqui seguem a sinalização proveniente de Wall Street, onde as ações do setor financeiro recuperam parte das perdas recentes e o setor de tecnologia ganha fôlego com o resultado positivo da IBM. Há pouco, o Dow Jones tinha alta de 1,78%, enquanto o Nasdaq subia 1,92%.

Dentro do Ibovespa, o fluxo de compra continua concentrado nas ações PN da Petrobras, que avançavam 3,98%, para R$ 23,98, e Vale PNA, com valorização 1,85%, para R$ 25,77.

Com o terceiro maior volume CSN ON tinha alta de 5,79%, para R$ 35,41. A companheira de setor Gerdau PN reverteu as perdas e subia 1,43%, para R$ 16,23.

Entre os bancos, Bradesco PN ganhava 3,13%, a R$ 20,74. Itaú PN aumentava 0,44%, a R$ 22,74, e as units do Unibanco tinham alta de 0,46%, para R$ 12,85.

Ainda na ponta compradora, TIM Part PN subia 5,42%, para R$ 3,11, e Braskem PNA aumentava 4,41%, para R$ 6,15. TAM PN e Vivo PN também ganhavam mais de 4% cada.

As ações PNB da Aracruz lideram as perdas. Há pouco o ativo registrava queda de 11,91%, para R$ 2,07, ainda reflexo da compra de 28,03% das ações ON que estão com as famílias Lorentzen, Moreira Salles e Almeida Braga pela VCP. Se ajustando ao valor da oferta, o papel ON, que dobrou de preço ontem, ganhava 8,15%, para R$ 12,60. Já o ativo PN da VCP perdia 10,34%, para R$ 13,96.

(Eduardo Campos | Valor Online)

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG