Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Comitê de finanças do senado aprova Geithner para o Tesouro dos EUA

SÃO PAULO - O comitê de finanças do senado norte-americano aprovou hoje a indicação de Timothy Geithner para ser o novo secretário do Tesouro dos Estados Unidos. O substituto de Henry Paulson foi aprovado pelo comitê com 18 votos favoráveis e cinco contrários.

Valor Online |

Agora a votação vai para o plenário da casa, onde a aprovação deve ser tranqüila, segundo as agências internacionais.

Havia certa apreensão com a votação por conta de problemas de sonegação de imposto por parte de Geithner, que até então era presidente do Federal Reserve de Nova York.

Durante sabatina ontem, no mesmo comitê, o indicado para a secretaria do Tesouro assumiu a responsabilidade por ter deixado de pagar mais de US$ 30 mil em tributos relacionados à previdência social e assistência de saúde enquanto era funcionário do Fundo Monetário Internacional (FMI). Ele disse que tratou-se de "falta de cuidado" e que era algo "evitável", mas que foi "sem intenção".

Como secretário do Tesouro, Geithner pretende reformar o plano de ajuda ao setor financeiro, que não se mostrou suficiente para afastar os riscos de quebra de grandes bancos.

(Valor Online, com agências internacionais)

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG