Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Comissão Européia autoriza que Dinamarca liquide Roskilde Bank

Bruxelas, 5 nov (EFE).- A Comissão Européia autorizou hoje que a Dinamarca liquide o Roskilde Bank, entidade que foi nacionalizada e cujos ativos acabaram divididos entre outros três bancos.

EFE |

Em agosto, após constatar o fracasso do plano de resgate iniciado para salvar o Roskilde Bank, o banco central dinamarquês e a associação de bancos privada (DPB), através de uma entidade recém-criada, assumiram todos os ativos e passivos e começaram a preparar a liquidação.

A nova entidade recebeu uma injeção de capital e continuou se beneficiando da linha de liquidez concedida ao Roskilde como medida de resgate.

Além disso, as autoridades dinamarquesas apresentaram, através do DPB, uma garantia estatal para os possíveis prejuízos provenientes da transação.

A nova entidade só durará enquanto for necessário para completar a venda dos escritórios do Roskilde Bank - que ficarão nas mãos do Nordea, do Spar Nord Bank e do Arbejdernes Landsbank.

Bruxelas concluiu que a operação respeita as normas sobre ajudas de Estado no atual contexto de crise.

Assim, considera as medidas apropriadas e proporcionais para evitar desordens excessivas e inclui salvaguardas para evitar um prejuízo excessivo à concorrência.

As dificuldades do Roskilde Bank começaram no verão passado, por causa das turbulências internacionais e da queda do mercado imobiliário dinamarquês, e se viu obrigado a pedir ajuda financeira ao Estado para continuar funcionando. EFE epn/fal

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG