Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Comissão Européia aprova plano de salvamento do banco alemão IKB

Bruxelas, 21 out (EFE).- A Comissão Européia aprovou hoje o plano de reestruturação do banco IKB, que custará 9 bilhões de euros aos cofres da Alemanha, após considerar que a operação respeita a legislação comunitária sobre ajudas estatais.

EFE |

A instituição, especializada no financiamento de pequenas e médias empresas, sofreu grandes perdas no ano passado devido a sua exposição ao mercado hipotecário dos Estados Unidos, e se salvou da quebra graças a uma ação entre três associações bancárias, o Estado e o Banco para a Reconstrução KfW, de propriedade pública.

O plano de salvamento incluía duas garantias gerais, uma injeção de capital de 1,25 bilhões de euros pelo KfW e facilidades de tesouraria; e seu valor total chega a 9 bilhões, segundo explica a Comissão em comunicado.

A reestruturação completou-se com a venda do banco ao fundo de investimentos americano Lone Star, em agosto.

Após realizar uma análise sobre a operação, o Executivo comunitário concluiu que ela se ajusta às normas européias sobre ajudas estatais.

Em particular, a CE destaca que está prevista uma redução significativa das atividades de IKB, o que por sua vez "limitará a distorção da concorrência gerada pelo apoio estatal". EFE ahg/jp

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG